Se você nunca ouviu falar de Yo-Yo Ma, provavelmente não conhece os grandes instrumentistas do mundo. E tudo bem, afinal, todo mundo é leigo em alguma coisa. Eu mesma não conhecia até assistir o documentário “The Music of Strangers”.

Com apenas 7 anos, Yo-Yo Ma, hoje conhecido como um dos maiores violoncelistas da história, tocou pela primeira vez em um programa de televisão. E, em 2010, já com a carreira solidificada, criou o Silk Road Ensemble – projeto que une artistas de diferentes países e instrumentos para criar uma linguagem musical.

O que você tem a aprender com isso? Muito. Veja só…

Por trás dessa ideia, Yo-Yo traz à tona dois pontos notáveis. O primeiro é sobre a importância de manter tradições vivas. Em um trecho do documentário, Yo-Yo Ma diz que “(…) a menos que uma tradição continue se transformando, ela naturalmente vai diminuindo”. Nosso mundo globalizado faz com que as mudanças sejam cada vez mais rápidas e frequentes. Por isso, precisamos repensar sobre o valor histórico que nossas heranças culturais possuem. Por meio da adaptação e da transformação, é possível trazer novos sentidos e utilidades a costumes, assim como Yo-Yo Ma fez com a mistura de instrumentos tradicionais em Silk Road Ensemble.

O segundo ponto é como a diversidade ajuda a criatividade. Complementando o primeiro ponto, em uma simples e perfeita comparação, Yo-Yo Ma diz que a criatividade está na interseção entre duas culturas. Ou seja: quando dois mundos distintos passam a trabalhar em conjunto, misturando e dividindo suas características, um terceiro mundo surge. Este, ainda mais forte, inspirador e original.

A partir desses dois pontos, sugiro que você ouça as pessoas ao seu redor e se pergunte: o que elas têm a agregar ao meu conhecimento? Como posso despertar o interesse delas com algo que tenho a ensinar? Quais oportunidades surgirão a partir do compartilhamento de ideias? 

Passe a enxergar e ouvir com interesse e novas oportunidades crescerão. Quem sabe um novo projeto nasça?

POR QUE É DESCOMMODITY-SE?
O que Yo-Yo Ma fez e faz parecer extraordinário, visto a proporção que se tomou. Se pararmos para pensar, pequenas ideias já têm transformado o mundo, mesmo que lentamente.

Uma delas é a moda e como o vintage passou a ser tendência. Com a popularização do empreendedorismo, isso ficou ainda mais forte e acabou rendendo capital: você sabia que existe uma infinidade de brechós autônomos no Instagram? São ideias que prezam por um bem comunitário, e às vezes até ambiental, que transformam antigos costumes em algo com um propósito maior.

Enquanto o mundo está dividido por conta das diferenças, pessoas como Yo-Yo Ma usam a diversidade para transformar relações humanas através da cultura. E você? Que ferramenta utiliza para tornar o mundo um só?

Isadora T. Salines

Assistente de redação

Mais sobre a SPR

TRABALHOS

CLIENTES

PALESTRAS

BLOG